Bioré Lança Linha de Protetores Solares no Brasil

Olá, meus amores ❤️❤️❤️. Como vocês estão?

Quem é fã de cosméticos asiáticos já deve ter ouvido falar sobre a Bioré. A marca é tão queridinha no quesito protetor solar, que é líder de vendas no Japão desse tipo de produto. E é um hit na internet também quando falamos em demaquilantes.

Sempre ouvi falar maravilhas sobre os produtos da marca. Eis que a Bioré anunciou o lançamento de três versões dos protetores aqui no Brasil. Vou falar sobre cada um deles, ok?

  • BIORÉ UV PERFECT MILK

O Perfect Milk é um protetor solar desenvolvido para o corpo e para o rosto. Ele possui partículas ultra finas e filtros físicos que protegem a pele dos raios UV e UVB.

Esse protetor é bem levinho e líquido, e se torna matte assim que é espalhado pela pele. O Perfect Milk é bem confortável e não deixa a pele esbranquiçada. Ele é altamente resistente à transpiração e água.

  • BIORÉ UV AQUA RICH WATERY ESSENCE

O protetor Aqua Rich foi desenvolvido para o rosto e para o corpo e ele possui uma textura gel aquosa. Diferentemente do Perfect Milk, o Aqua Rich possui microcápsulas de ágar-ágar e filtros UV encapsulados na fórmula, que também ajudam a proteger a pele de raios UV e UVB.

O Aqua Rich ajuda a reter a água da pele, mantendo e promovendo uma hidratação natural, graças ao ácido hialurônico e extrato de geleia real presentes na fórmula. Ele também é altamente resistente à água e suor.

Ele é ótimo para quem tem pele oleosa e/ou mora em regiões muito úmidas e quentes. O Aqua Rich é bem fresquinho e possui um toque geladinho.

  • BIORÉ UV FACE MILK

Já o Face Milk foi desenvolvido pensando na pele do rosto. Ele possui a fórmula bem parecida com o Perfect Milk, porém essa versão conta com um pó que ajuda a absorver e controlar a oleosidade e brilho da pele.

Ele é indicado para quem gosta de usar maquiagem, pois ele tem o efeito primer de manter o make no lugar por mais tempo.

Assim como o Perfect Milk, ele também é bem levinho e líquido. Depois de seco, a pele fica confortável e nada esbranquiçada. Ele é altamente resistente à água e suor.

Todas as três versões possuem fator de proteção SPF 50 e são indicados para peles sensíveis. Todos os protetores são produzidos no Japão.

Essas novidades desembarcam no Brasil a partir da segunda quinzena de novembro. Os preços variam entre R$ 65,99 a R$ 68,99. E todas as três versões estarão disponíveis na Droga Raia e na Drogasil.

O que vocês acharam dessa novidade? Vi muita gente elogiando os preços dos protetores. Vocês querem que eu traga mais lançamentos do mercado asiático?

A Tendência das Máscaras Faciais de Tecido

Não é segredo nenhum que a brasileira ama importar os hábitos de beleza das asiáticas. Nos apaixonamos por BB Cream anos atrás, estamos aprendendo a seguir os passos da rotina diária das coreanas e até estamos olhando de forma mais crítica as fórmulas dos cosméticos.

E vocês já repararam que as máscaras faciais de tecido vieram com tudo em meio ao boom asiático? O que começou de forma simples por aqui, se tornou uma verdadeira febre, com marcas nacionais apostando na tendência. E esse tsunami de máscaras faciais vai muito além das selfies de Instagram.

Vesti meu chapéu de Sherlock Holmes e decidi investigar a fundo essa tendência. Venha, Watson!

As máscaras faciais de tecido (sheet mask, no inglês) começaram a despontar na Coreia do Sul como uma forma de tratamento express, eficiente e barato. Basta aplicar o tecido diretamente na pele, esperar alguns minutos e voilà! Temos uma pele renovada.

E as coreanas são apaixonadas por métodos eficazes e rápidos de cuidar da pele. Coisa que nós ocidentais também amamos. Afinal, não é sempre que temos tempo e nem dinheiro para um tratamento spa, né?

Essas máscaras faciais de tecido lembram muito um lenço umedecido. Elas são embebidas com ativos e fórmulas que hidratam, reparam e cuidam da pele. Algumas até entregam um efeito lifting, diminuem poros e combatem espinhas.

Elas são descartáveis e fáceis de usar. Basta abrir o pacotinho, aplicá-la diretamente na pele por uns 20 minutinhos.

Você pode usar sua máscara para uma ocasião especial em que você queira uma pele impecável. Mas se você quiser seguir os passos das coreanas, vale usar as máscaras duas vezes por semana.

As máscaras faciais de tecido não excluem toda a sua rotina de skincare, viu? Ela serve como um complemento bem babadeiro e que dá um boost nos seus cuidados com a pele.

Como essa febre pegou primeiro na gringa, por muito tempo só existiam opções de máscaras nas marcas importadas. Aqui no Brasil uma das empresas pioneiras em trazer máscaras assim foi a Sephora.

Contudo, a brasileira pegou gosto e o mercado nacional começou a investir em opções baratinhas. A Ricca é uma das empresas pioneiras em explorar esse mercado tão novo ao Brasil.

E eu acredito que essa moda vai pegar cada vez mais. Sinto que a brasileira está valorizando mais produtos de skincare. E o nosso namoro com as máscaras de tecido tem tudo pra virar casamento hehe.

O que vocês acham dessa tendência?testaram alguma máscara?

O Cushion da Wet n Wild

Em minhas andanças pelo Walgreens em Orlando comprei o Cushion da Wet n Wild. Não li nenhuma resenha, mas fui totalmente atraída pela embalagem fofinha e posteriormente pelo CHEIRO MARAVILHOSOOOO, você cheira e se transporta pra uma praia tropical no ato. SÉRIO melhor cheiro da vida, compraria o perfume se tivesse hehe!

A fórmula da base líquida do MegaCushion dele é enriquecida por coco e possui SPF 15. É super hidratante, refrescante e deixa a pele com acabamento bem luminoso.

Comprei a cor Nude Beige mas ela me deixou bronzeada, se fosse comprar de novo iria no tom Cream Ivory – veja toda a tabela aqui. A cobertura é levinha, mas dá pra construir camadas:

Porém quanto mais camadas, mais molhado fica. Abaixo usei umas 2/3:

ANTES E DEPOIS

Cobriu bem até mas ficou bem molhadinha a pele, porém esse molhado depois de alguns minutos e fica só uma mega hidratação. Eu tenho pele normal pra seca então achei bem gostosinho, sabe? Mas quem tem pele oleosa deve ficar co aflição rsrsrs #sinceridades.

  • No Makeup Alley a nota é 4,2 de 5, o que é uma nota MUITO BOA, porém as gringas tem essa tendência a gostar de coisas mais hidratantes, enquanto que a brasileira quer coisa mais seca por conta do clima e pele oleosa. Aqui acho que a nota dele cairia pra uns 3… ACHO!

Eu paguei 9 dólares e com certeza compraria de novo, é bem gostosinho e o cheiro, aaaa o cheiro rsrs! MUITO BOM.

Vocês gostam de cushion? Estou com vários nacionais para testar! Indicações?