Conheçam a Primeira Loja da Kylie Cosmetics

Olá meus amores, tudo bem com vocês?

Em diversas conversas com a Bru eu sempre afirmei que a Kylie Jenner abriria sua loja física. Nós duas sempre suspeitamos que a venda online da linha de cosméticos era um tipo de “teste” para avaliar os desejos do público. Dito e feito! Vamos ver os detalhes da primeira pop up?

Kylie lançou a loja no Topanga Westfield Mall, em Los Angeles. Há alguns meses ela estava postando os preparativos de todo o espaço, desde a escolha, até os detalhes finais.

No local é possível encontrar a coleção completa de produtos da Kylie Cosmetics, peças de roupas como camisetas e bonés e tem até espaço para selfies. A caçula do clã Kardashian disponibilizou uma cama igual a do seu quarto para que os fãs se sintam na intimidade dela.

Como tudo que as Kardashians criam, a loja foi um sucesso. No primeiro dia foi necessário estipular um tempo limite de 15 minutos de permanência para cada pessoa, pois as filas estavam enormes.

E não foi só isso. Assim como todos nós, os fãs tinham um limite de produtos que podiam levar, para não esgotar os estoques. Cada pessoa só poderia levar para casa três itens.

A loja ficará aberta até o fim dos estoques. Assim como o período de venda online, acredito que essa loja é um teste para ver como o público se comporta com seus produtos.

Há alguns meses já rolava o boato que a Kylie abriria mais lojas ao redor dos Estados Unidos em 2017. É torcer para que abra e a gente possa comprar os makes durante nossas férias ;)

O que vocês acharam de toda essa novidade? Já previam que ela abriria sua primeira loja?

Fotos: @westfieldtopanga, Kylie Cosmetics, Kylie Jenner

Como aprendi a me maquiar?

Muita gente me faz essa pergunta e eu nunca tinha parado pra responder. A verdade é que fui aprendendo a me maquiar com a vida…Por isso senta que lá vem história! Hoje é dia de contar sobre minha relação com a maquiagem. Vem comigo!

Meu primeiro interesse começou ainda criança, minha mãe sempre amou maquiagem e sempre foi muito livre, sabe? Era aquela mulher QUE VIVIA de batom vermelho em uma época que ninguém usava. Resultado: eu sempre usei batom vermelho, dentro e fora das festas juninas rsrsrs!


O blush chinelada era só em festa junina mesmo e esse eu não levei pra vida!

Muita gente é contra criança usar make, eu me incluo nessa! Mas um batonzinho, né? Que mal isso pode fazer… E batons sempre estiveram presente na minha vida… Especialmente os vermelhinhos, e essa influência foi apenas muito positiva na minha vida, porque veja bem, ela me transformou nisso rsrsrs:

Por essas e por outra o batom vermelho é a cor que escolhi pra levar o nome de Bruna na minha linha. Batom vermelho representa minha história com a maquiagem, meu primeiro contato e minha relação com minha mãe. Vermelho é vida. Pulsante, vibrante, apaixonante!


O meu batom Bruna da linha Bruna Tavares, esse batom carrega história…

Além da influência da mamis, o teatro também foi essencial nessa construção livre que eu desenvolvi com a maquiagem, longe de regras e afins. No teatro a gente se maquia pra se transformar em outra pessoa. Gente, já tive ATÉ que me maquiar pra virar a AVAREZA. Então imagina, maquiagem pra mim sempre foi além, e por isso é tão fácil pra mim manter meu conteúdo focado nisso, porque é simplesmente algo que eu amo DE VERDADE. Algo que colore a minha essência…

Mas, maquiar como eu me maquio hoje. Isso são outros quinhentos!!! Apesar de estar envolvida com maquiagem desde que me conheço por gente, sempre me senti muito limitada por causa do meu formato de olho. Então me limitava apenas a um lápis preto contornando a raiz dos cílios, somente isso…Essa sou eu com uns 17 anos! #emo #and #amarela kakakak!

Meu sonho, meu SONHO mesmo era fazer um olho preto esfumadão, mas achava que ele não era pra mim. E me limitava a dobrinha do olho, sabe? Apesar de me sentir livre com a maquiagem, o meu formato de olho me limitou nesse sentido, não me fez enxergar na época que era possível explorar meu côncavo, que era possível subir a sombra, que era POSSÍVEL FAZER ISSO AQUI:

E essa nova forma de enxergar meu olho, digamos assim, eu devo totalmente totalmente a MAC. Sim a MAC, calma que eu explico!

Logo que comecei o blog passei a conhecer melhor a MAC através dos blogs. Me apaixonei por vários produtos e com certeza a paixão que desenvolvi pela MAC foi o carro-chefe de toda a minha história. A MAC me levou pra um outro mundo de possibilidades, e foi em um VIP CLASS que passei a ver meu olho de outra forma. Literalmente! E essa história do Vip Class é muito boa, e por isso preciso contar pra vocês!

Eu venho de uma origem mais humilde, né gente? Não tinha condição de comprar MAC. Meu primeiro batom deles, o SNOB, eu paguei em 12 parcelas de 8 reais no pagseguro na lojinha da Dani Pinheiro (lembram dela?) nunca vou me esquecer disso. Pensei assim: uso esse batom por um ano pagando 8 reais por mês, tipo uma mensalidade pra usar o batom kkk!

Valeu a pena o esforço pra ter o Snob, ter ele em mãos foi concretizar um sonho mesmo…E é incrível como essa compra estimulou todas as áreas da minha vida. A gente se sente feliz quando compra make, né? Convenhamos rsrs!

Foto bem antiga com meu Snob. Amo até hoje e estou com saudade de usá-lo!

Enfim, tudo isso pra explicar que OBVIAMENTE eu não tinha 400 reais pra fazer o Vip Class (que era o valor + ou – de uma aula Vip com algum artista da MAC, na época era isso hoje não sei mas deve ser por aí. O legal dessa aula é que você reverte tudo em produto depois, ou seja, a aula vira um ”brinde”, como um incentivo pra compra, que fica muito mais ”lúcida” depois das dicas do artista).

Aí que pela graça do destino, de Deus, dos anjos da guarda, do universo, e da makes gloriosas, minha mãe ganhou um sorteio no shopping (Iguatemi Campinas) no valor de 5.000 reais em compras. SOCORRO! Foi A FELICIDADE DA VIDA. Ela perguntou na hora o que eu queria e na hora eu respondi. O VIP CLASS! Já estava namorando esse curso faz TEMPOOOOO, e trabalhei bonito a lei a da atração, que me trouxe essa possibilidade até então tão distante. QUE SONHO! Já era o meu destino falando mais alto…

Fiz o curso com a Soninha e pedi de cara o olho preto já achando que seria uma missão impossível. Ela virou pra mim e falou ”seu olho é ótimo pra esfumar, vem que te mostro”. Foi ali que tive o meu primeiro contato com o pincel fofinho, com os movimentos circulares, com o esfumado marrom…Lembro que sai do curso radiante, cheia de produto e com uma make que nem nos meus melhores sonhos eu achava que seria possível. Cheguei em casa e me gravei na webcam pra nunca mais esquecer daquele formato de make…E nunca mais esqueci! Naquele dia eu aprendi a fazer o esfumado marrom com preto e um toque de verde, lembro que ela usou em mim a Sumptuous Olive da MAC, que virou quase que um amuleto na minha vida.

Mas pensa que eu sai de lá sabendo? Óbvio que não! Eu passei a me arriscar mais, mas a habilidade estava longe de dominar esse corpinho. PARA TUDO PRA ver isso rsrsrs. A reprodução da make do Vip Class era tipo essa pra pior que eu conseguia fazer:

E por muito tempo ficou assim, basta você olhar minhas makes de 2012 pra trás, e olha que criei o blog em 2009, ou seja, DEMOREI PRA APRENDER PAKAS rsrs. Considero que eu aprendi mesmo a me maquiar de 2014 pra frente. Mas foi em 2016 que passei a me orgulhar das makes...E aprendi tudo sabe com quem? COM AS YOUTUBERS! Minha primeira referência foi a Miss Chievous, o canal dela era uma dos mais bombados da época e seu formato de olho e rosto me trouxeram identificação.

Aprendi muito com ela…Mas foi com outra gringa que aprendi praticamente tudo que eu sei! Foi com a Nikkie Tutorials que aprendi a ousar, a ir além do esfumado. A Nikkie me ensinou que não existe limites para meu formato de olho. A Nikkie é a minha musa DA VIDA. Como eu amo ela! Acho que no dia que eu encontrá-la eu tenho um treco rsrs.

Conheci ela através desse vídeo abaixo:

Vídeo de 2011 gente! Lembro que dali pra frente ela se tornou minha Youtuber favorita, e vibrei muito quanto ela FINALMENTE alcançou o primeiro milhão. E demorou, viu? A Nikkie está no auge hoje, mas plantou durante uns 10 anos pra chegar onde chegou. Outra coisa nela que também me inspira. #nikkieteamo.

Foi acertando e errando, me maquiando e demaquilando inúmeras vezes que aprendi. E fui aprendendo com vocês ao meu lado, e isso que foi mais especial. Até hoje sigo nesse ciclo de aprendizado, esses dias mesmo postei um double cut que aprendi com a Michelly Palma.

Vivendo e aprendendo, sempre! Muitas pessoas nascem com dom, com habilidade. Mas esse não foi meu caso, tive a sorte literalmente de ter a MAC no meu caminho (por causa daquele Vip Class acabei me aproximando da Soninha e ela me levou pra curso interno, o que também me ajudou demais!). Tive a sorte de estarmos na era do Youtube. Tive a sorte da Nikkie existir e ser ”parecidinha” comigo (#quemmedera rs). Tive sorte de estar rodeada de gente talentosa e disposta a me ensinar mais. Tive a sorte de ter vocês me guiando e me incentivando. E tive a sorte de descobrir que amo mesmo arte e maquiagem. E o que era só um hobby virou profissão, mais por persistência do que por dom divino. E acredita que esses dias fui convidada pela MAC para ministrar MASTER CLASS? Quer dizer: aquela menina que um belo um dia ganhou um sorteio e foi na MAC aprender a esfumar, hoje foi pra MAC como PROFESSORA!!! DESTINO SEU LINDO, QUE VIRADA É ESSA QUE O SENHOR DEU NA MINHA VIDA?


Clique minutos antes de conhecer minha primeira turma (das 4!) que tive na MAC em Fortaleza! Que Sonho!

Isso minhas amigas e amigos, fica de inspiração pra você...EU DEMOREI ANOS pra conseguir aprender a me maquiar, e sinceramente, espero que você consiga mais rápido que eu kkkk e que meus vídeos te ajudem nisso! Mas aprendi, com calma, persistência, errando e acertando. E isso vale pra vida, ninguém nasce sabendo. A gente escolhe o que quer amar, se jogaaaaaaa e o universo enxerga isso, e te devolve em forma de sonhos concretizados. ACREDITA! E essa mensagem vai muito além da maquiagem…Pega aquele sonho que tá guardadinho no seu coração (e você sabe qual é!) e comece a trabalhar nele.

E o que era impossível pra mim, se tornou a minha realidade! Se deu certo pra mim, porque não daria pra você, não é mesmo?

Em suma, foi assim que aprendi a me maquiar, e foi assim que encontrei o meu caminho…Devo tudo isso a maquiagem, a vocês, a Nikkie e a MAC (em especial a Soninha e o Beto que sempre me acolheram muito antes de eu ser uma blogueira conhecida!).

Muito amor na causa! Pra zerar a vida só falta uma selfie com a Nikkie e uma coleção com a MAC, não é mesmo? Rsrsrs! Porque sonhar não custa nada, né? E isso vale pra todos nós!

Como diria o Walt Disney mestre:

”Eu gosto do impossível porque lá a concorrência é menor…”

PLENO!

Como fazer seu próprio batom líquido matte?

Produzir maquiagens caseiras se tornou uma das pautas mais legais do momento! Resolvi me arriscar tentando fazer o batom líquido matte, fui de primeira na cara e na coragem e registrei tudo pra vocês. Olhei várias receitas e criei uma própria seguindo meu conhecimento de batom e coisas que realmente funcionam na prática, ok? Vem comigo pra eu te mostrar NA REAL o passo a passo!

Pra começar você vai precisar de:

1. Base Matte – peguei uma cor clara porque eu queria fazer um batom nude, mas se quiser um batom mais forte suba o tom da base. Usei a 02 da Tracta.
2. Primer facial daquele tipo que deixa a pele opaca/aveludada. Usei o Blur Matificante da Eudora que é transparente e ótimo porque não altera mais a cor.
3. Blush ou sombra opaca que você topa destruir rsrs. Usei um tester de blush meu da T.blogs reprovado.

A primeira coisa que você vai fazer é destruir o blush/sombra e misturar com um pouco de base e primer. No caso a pessoa aqui é POUCO EXAGERADA, eu resolvi fazer batom pra 2 vidas.

A quantidade é meio a olho, sabe? Eu botei mais base e menos primer (o primer é que matifica e deixa o lábio lisinho, só a base deixaria o efeito meio grosseiro!). Fui misturando até chegar nisso aqui, uma pasta:

Senti a textura meio pastosa demais e por isso resolvi pingar um produto que dissolve. Esse é um produto novo estilo Duraline que desenvolvi pra linha Bruna Tavares, projeto pra 2017, falei dele aqui pra quem ficar curiosa!

Pinguei umas 10 gotinhas e achei que ficou MIL VEZES melhor. Com textura de batom líquido mesmo. Além disso esse produto dá fixação, porque estamos fazendo um batom líquido matte real e não zuera, né minha amiga?! Hehe! O resultado foi esse, parece uma pasta de Toddynho, dá vontade de comer #vaigordinha.

Agora vem a parte mais tensa! Colocar isso dentro de uma embalagem de batom líquido. Pra isso corri pra pia do banheiro e coloquei produto dentro de uma seringa de remédio (Novalgina seu lindo, você nunca mais passará por aqui!).

Tinha tanto produto no pote que consegui encher a seringa e ainda sobrou batom pra toda a pia. SÉRIO! WHY GOD WHY? Eu vou encontrar essa pasta nas minhas unhas e na minha vida até 2017. SE-NHOR que bagunça. Meu marido achou que eu tinha jogado mousse de chocolate pelo banheiro, enfim…Vida que segue, receita que segue!

Com tudo na seringa chegou a parte mais difícil PARTE 2, passar pra embalagem do batom líquido:

Sente o drama, já tem coisa escorrendo porque eu sou muito inteligente e botei essa pasta até o talo da seringa. MANO DO CÉU!

Com a precisão de um pinguim, apertei o produto pra colocar ele dentro do pote de batom líquido. Aliás, pra conseguir esse frasco vazio peguei um tester usado e lavei usando demaquilante bifásico, e isso foi uma outra saga! Mas no geral foi só deixar de molho que deu certo… Mas enfim, voltando…

Fui apertando e o treco entrando e transbordando! No jogo da vida o batom é a Alemanha e eu o Brasil. 7 a 1 fácil! Olha que cena bonita, que cena plena, que cena reality:

Enfim, corri pra pia pra arrumar, limpar, gastei alguns lenços umedecidos limpando a embalagem e voi lá:

Nasceu esse bonitinho mais ordinário batom líquido!

E não é que ele ficou bonito! Textura lisinha, mega ultra power confortável, secagem rápida e esse tom meio Cashmere/Luanda. Aliás, valeu Brasil, tanto trabalho pra criar um batom parecido com um que eu já tenho na gaveta. Masssss, ok vai! Valeu a experiência, exceto por isso:

#RIP tecido sereia!

O que dizer desse batom que eu mal conheço mas que já detesto pakas?

E vocês, já tentaram fazer make em casa? Se deram melhor que eu? Pausa para aplaudir a Kim Rosa Cuca que faz isso com a maior facilidade…porque meu bem, né fácil não! Buscando essa habilidade aí abaixo também: