A Febre dos Aparelhos de Limpeza Facial

Oi, meninas! 

Estamos vivendo uma onda crescente dos cuidados faciais. É difícil encontrar quem não tenha pelo menos alguns passos de skincare e não os repita todos os dias, nem que seja tirar a make com demaquilante e passar um hidratante depois. 

E para ajudar a manter a pele sempre limpinha, podemos contar com o auxílio de aparelhos específicos para limpeza e esfoliação. Mas será que eles realmente funcionam? Quais alternativas nós temos no mercado? Se você tem alguma dessas dúvidas, esse post é pra você! 

@beautylookbook

Embora não haja estudos científicos sobre a eficácia desses apetrechos, os dermatologistas afirmam que sim, eles realmente atuam como potencializadores da limpeza diária. E podemos dividir os aparelhos basicamente em dois grupos: giratórios e vibratórios. 

GIRATÓRIOS

Quem lembra do Clarisonic, um dos primeiros a cair no gosto das brasileiras? Os aparelhos que giram removem as células mortas, dando polimento e viço. Prometem uma limpeza até seis vezes mais profunda em comparação com uma higienização normal. 

Segundo as recomendações, esse tipo de produto deve ser usado no máximo duas vezes por semana. Por proporcionar uma limpeza mais profunda, o uso além do indicado pode causar o aumento da oleosidade, acne e até diminuir a elasticidade da pele. 

Existem aparelhos que vêm com uma coleção de “cabeças” para trocar, cada uma com uma função: tem esponjinhas, rolinhos e lixas mais ou menos abrasivas, cada uma com um objetivo (massagear, tonificar, hidratar ou esfoliar). Esse modelo foi sucesso no AliExpress há alguns anos.

Para quem quer ter uma ideia do resultado, é possível obter o mesmo efeito massageando o rosto com um escovinha em movimentos circulares. Lembrando sempre de fazer com o rosto molhado e usando um sabonete facial (não é recomendado usar esfoliante junto). O tempo de uso é de no máximo 1 minuto e meio. Olha que legal esse guia de movimentos:

VIBRATÓRIOS

Os mais novos e bombados do mercado com certeza são os que vibram! Esses aparelhos têm pulsação sônica e se movem rapidamente de um lado para o outro, causando a sensação de vibração. Dessa maneira, ajudam a desobstruir poros e remover resíduos de maquiagem e sujeira, melhorando a absorção dos produtos aplicados em seguida.

@strawberrymakeupbag

Alguns são feitos de silicone, outros são lisos e é possível encontrar versões com cerdas ou texturas.

Todos são à prova d’água e podem ser até ativados por aplicativo no celular, como o Foreo UFO, que tem até variação de temperatura e luz de LED!

Diferente dos giratórios, eles não agridem a pele e a sua recomendação de uso pelos especialistas é diária. Caso a pele fique irritada ou vermelha, é só usar em dias alternados.

@emmi.hoang

A maioria costuma ser bem cara, um verdadeiro investimento para a vida! Mas já há muitas versões acessíveis surgindo, como o Aparelho de Limpeza Facial Alfa da Avon, a Escova Sônica da Multilaser, a Escova Elétrica da Biovena e outros mais. 

Com esse mercado aquecido, quem mais se beneficia somos nós, consumidoras amantes de skincare! EBA!!!

E aí, qual o seu modelo preferido? Deixe aqui sua dica de skincare para a amiga!

Um beijo :*

Fotos: @foreo @marykay @clarisonic @pinterest

Clinique Lança Produto que Transforma seu Hidratante em BB Cream

Já imaginou transformar qualquer um dos seus hidratantes faciais em BB cream? Seria maravilhoso pra nossa pele e nosso bolso, né? Pois essa é a proposta do BIY – Blend It Yourself, lançamento que a Clinique acaba de trazer ao Brasil. Dá uma olhada:

O BIY nada mais é do que um pigmento líquido que você adiciona em gotinhas ao seu hidratante diário. Isso o transforma em um produto multifuncional que, além de hidratar, também dá cobertura. Vem em cinco tons, que vão do claro ao mais escuro.

Além do hidratante, ele também pode ser misturado com protetor solar, primer, sérum ou até mesmo naquela base (líquida ou cremosa) que você comprou, mas acha que a cobertura podia ser maior.  A marca não recomenda a aplicação direta à pele, pois a fórmula é muito concentrada.

O produto vem numa embalagem parecida com a de um descongestionante nasal, o que facilita na hora de pingar as gotinhas. Dependendo de quantas gotas você adiciona, a cobertura varia: uma única gota para cobertura leve; duas para média e três para total. Olha este vídeo da @cliniquebrasil ensinando o passo a passo:

Ah, encontrei algumas resenhas no Youtube também. São de gringas, mas dá pra ver como fica o efeito na pele.

O BIY – Blend It Yourself já está à venda nas lojas da Clinique e custa R$ 159 por uma embalagem de 10 ml. Não é barato, mas como é pra ser usado em gotinhas, promete render bastante.

Vocês já testaram algum produto da Clinique? O que acharam da novidade?

Fotos: @danielagcastro, @jackmise, @thehappysloths, @millionidole

Tendência de beleza: Sardas

foto2

Aproveitando o mês junino, em que fazemos as famosas sardinhas pra curtir as festanças por aí, resolvi falar de uma tendência de beleza super fresh: as sardas fake.

foto1

Elas tomaram conta das passarelas, passaram pelas famosas e chegaram até nós. Thaila Ayala, Alessandra Ambrósio, Grazi Massafera e Anitta foram uma das que se renderam à trend.

foto3

A diva master – que tem a pele naturalmente pintadinha assim – é a Gisele Bündchen. Ela até deu a dica de como realçá-las em um vídeo feito para a Chanel Makeup. Vale a pena dar o play

Se você as tem naturalmente é só reforçar. Já quem não tem, basta fazê-las com um pincel fininho e uma sombra marrom de fundo avermelhado, ou dois tons acima do seu. Basta molhar o pincel e ir fazendo os pontinhos. Pra ficar ainda mais natural é só dar uma suavizada com leves batidinhas de dedo.

foto5

O lápis marrom de sobrancelha também é uma alternativa para forjar as sardinhas, pois é menos pigmentado que o lápis normal, o que dá um efeito mais natural. Blush rosado ou blonzer completam perfeitamente o look beach girl.

foto6

Já existe na gringa um kit de tatuagem temporária de sardas da marca Freck Yourself, que vem com adesivos com um padrão de sardas naturais e uma caneta com tinta marrom. É só ver onde colar, pressionar, passar a caneta, retirar o adesivo e pronto. Dura dois dias na pele. Muito doido! Tem um vídeo explicando o processo

Como o kit não existe no Brasil, fazemos nós mesmas. No Youtube, dá pra encontrar tutoriais maravilhosos, usando desde pincel até grampos de cabelo. Olha só

E você, o que acha das sardinhas fake? Deixe aqui nos comentários.

Beijos