Dicas de como manter a cor dos cabelos no verão

Estamos em pleno verão e é desesperador ver a saúde do nosso cabelo e bolso comprometida pelo sol, praia, piscina e calor, não é mesmo?

Mas fique calma, aqui vão algumas dicas que podem te ajudar a segurar a cor nos cabelos e economizar nas tintas.

  • Invista em produtos para cabelos coloridos

As linhas para madeixas coloridas possuem um pH específico e não retiram agressivamente o pigmento do cabelo. Dessa forma, você economiza mais com as colorações, mas acaba perdendo aquela super limpeza feita pelos shampoos comuns. Evite ao máximo shampoo anti-resíduo, ok?

  • Use shampoo só na raiz

Aplique quantidade moderada de shampoo e massageie suavemente apenas a raiz. Deixe que o produto que escorre pras pontas faça o trabalho todo. Evite friccionar e esfregar as pontas do cabelo, pois isso favorece a agressão física e desbotamento.

02

  • Use muito creme sem enxágue

Vai ter praia? Piscina? Lambuze o cabelo com creme sem enxágue e repasse a cada mergulho pois excesso do creme vai proteger do sal e cloro. É melhor um cabelo lambuzado do que detonado, hein? Você pode investir naqueles mais baratinhos de farmácia mesmo só pra quebrar um galho, mas fique de olho nos rótulos que são próprios pro verão e que contenham proteção UV.

  • Evite a água quente

As cutículas do cabelo tendem a abrir no calor, então água quente e banhos demorados colaboram para a perda de pigmentos nessas cutículas. A dica preciosa é que água fria dá aquele brilho sensacional e agride menos.

03

  • Tenha na bagagem um tonalizante ou matizador em creme

Tonalizantes são os melhores amigos das cabeleiras tingidas, pois a aplicação é rápida, fácil e no mercado nacional existem diversas opções de cremes e cores que repõe o pigmento, sem precisar de água oxigenada, e que são usados como condicionadores após o shampoo. Aqui no PPF já mostrei no ruivas acobreadas opções e também há marcas como a Haskell que pensam com carinho nas coloridas.

  • Cabelo saudável segura mais a tinta 

Se o seu cabelo está danificado, evite passar tinta em todo o comprimento a cada retoque. Alterne com tonalizante sem amônia nas pontas e invista em produtos repositores de massa capilar (máscaras com aminoácidos, proteínas, ceramidas, queratina, etc.). Quanto mais preenchido e saudável o fio, mais pigmento vai ficar ali fixado, entendeu?

04

  • Cuidado com a mão

É a dica mais boba mas que ajuda muito, pois não reparamos que na agressão que fazemos aos cabelos quando passamos a mão. Note que tocamos com frequência nas partes mais fragilizadas do cabelo (em cima, franja e pontas) e a cada toque retiramos a oleosidade natural do fio, levamos sujeira e também existe a agressão mecânica do toque. Controla essa mania de procurar pontas duplas e alisar as pontinhas que elas vão melhorando e isso interfere na fixação da cor.

  • A cor desbotada está horrível! O que fazer?

Não achou tonalizante pra te salvar? Tá numa emergência? Então tenta tonalizar com shampoo, água oxigenada e tinta!

Você vai precisar da exata cor do seu retoque, misturar com uma água oxigenada de 20 volumes (proporção 1:1) e com duas colheres de shampoo bem cheias (cabelos médios). Aplique essa mistura no cabelo molhado e deixe agir de 15 a 20 minutos. Enxágue e passe uma máscara condicionadora. Isso vai dar um up na cor até o próximo retoque convencional.

05

Anotaram todas as dicas?

Agora é só cuidar bem da alimentação, hidratar bem o corpo e deixar seu cabelo crescer lindo e forte pra uma próxima temporada de calor e férias!

Do Preto ao Ruivo Acobreado

Tirar tinta preta do cabelo não é tarefa fácil. Mesmo que sejam tintas sem amônia utilizadas, é muito pigmento a ser removido para que possamos partir para um ruivo acobreado.

Eu mesma já saí do ruivo para o cobre duas vezes no mesmo ano, vejam só:

01

Este é um guia completo pra orientar quem está querendo sair de um cabelo castanho ou preto, e que sonha com o ruivo do momento.

Aqui vão algumas dicas:

  • Amenize as camadas de pigmento escuro

Existem produtos no mercado que facilitam a remoção do pigmento da tinta e que agridem menos que uma descoloração tradicional. Um exemplo desse tipo de cosmético é o dekapcolor.

Caso seu cabelo tenha sido claro (loiro, ruivo, mechas, etc) antes de você aplicar o preto, a remoção fica bastante evidente. Se o cabelo já era escuro ou tenham sido muitas aplicações consecutivas, o dekap fará pouca diferença.

O fabricante deste produto recomenda até duas etapas de aplicação no mesmo dia, e pede uma semana de descanso aos fios antes da próxima aplicação. Também indicam que o cosmético é compatível com todo tipo de química, então leia o manual de instruções e faça um teste de mecha para garantir um resultado seguro.

Caso o dekapcolor não abra o tom ideal para aplicar o ruivo acobreado, é necessário proceder com a descoloração.

Atenção: Não recomendo que coloração seja feita no mesmo dia da aplicação do dekapcolor, pois o produto, mesmo que retirado dos fios, pode interferir na fixação da tinta. Aguarde alguns dias e lave muito bem.

02

  • Pó descolorante de qualidade faz toda diferença

Os produtos voltados a profissionais são mais indicados, pois possuem componentes que agridem menos os fios. Os que eu recomendo: Amend, Igora, Keune, BlondMe.

Porém, a qualidade desses produtos é diretamente proporcional ao preço, ou seja, você precisa estar ciente que gastará um pouco a mais escolhendo o produto ou o salão que faz uso de descolorantes adequados.

  • Cuidado com as químicas!

Tenha cuidado redobrado caso você tenha feito relaxamento, progressivas e, especialmente, henê ao proceder com a descoloração. Qualquer aquecimento desproporcional no cabelo pode indicar incompatibilidade.

Reforce seu arsenal de produtos para hidratação e reconstrução do cabelo, ok?

03

  • Teste de mecha é indispensável

É o teste de mecha que indica quão claro seu cabelo vai ficar para receber a coloração, e também se ele estará saudável o suficiente para o procedimento. Escolha uma porção de fios próximo à nuca e aplique o descolorante + água oxigenada 40vol de acordo com a indicação do fabricante e aguarde o tempo indicado.

Se tudo der ok, prossiga com a descoloração de todo o cabelo.

  • Saiba qual é a base ideal para o ruivo

O cabelo preto ou castanho nem sempre vai abrir exatamente na cor base que você deseja, por isso tenha calma e paciência, pois o acobreado dos sonhos pode não vir de primeira.

Tenha em mente que a saúde dos seus fios deve estar em primeiro lugar.

Para entender melhor sobre cor base, nuances e tipos de ruivo, veja meu guia do ruivo acobreado e também este vídeo explicativo.

04

  • Não hesite em procurar um salão de qualidade

Por ser um caso tão delicado e que pode comprometer seu cabelo, recomendo que faça essa transformação em um salão responsável e de confiança. Pesquise muito antes de ir, converse sobre produtos, leve fotos, peça ajuda.

Todas as transformações acima foram feitas pela Letícia, minha amiga e cabeleireira de confiança. Você pode ver todo o portfólio da Lê pelo instagram @ajudaleticia.

Estamos num projeto de atender em várias cidades do país para socorrer quem precisa de uma transformação capilar. A agenda de dezembro já está aberta para Rio de Janeiro e São Paulo, peça um orçamento e mais informações pelo ajudaleticia@gmail.com.

Ficou alguma dúvida sobre o procedimento de sair do preto?

Fique com esse vídeo super instrutivo e com o passo a passo de três ruivas:

Gostaram do guia?

Agora é só se programar e vir pro lado ruivo você também!

Meu blog: http://www.desocupadaeamae.com.br/

Meu Canal: http://www.youtube.com/user/gleiciduarte

Grupo de ruivas no facebook: https://www.facebook.com/groups/amoracobreado/

Beijo!

Tudo Sobre Ruivo Violeta

Oi, suas lindas!

Falamos tanto de ruivos acobreados e vermelhos aqui no blog, né?  Hoje é dia de trazer um tom novo pra vocês: Os ruivos violetas!

Pra quem gosta de um cabelo diferente, esse sem dúvidas é uma excelente opção porque você pode optar por um tom claro e chamativo ou escolher um mais fechado, discreto e irreverente.

01

A Katy Perry já havia aderido ao tom antes. Note como as nuances mudam de acordo com a iluminação.

Algumas inspirações:

02

O tom do cabelo é o grande diferencial aqui, viu? Quanto mais clara a base, mais chamativo pode ficar o cabelo.

03

O que garante o brilho é a saúde dos fios. Tenha os cabelos sempre hidratados e fortes, dessa forma, além de prevenir o desbotamento, você garante um visual mais bonito. Veja meu post sobre desbotamento e saúde clicando aqui.

04

E o violeta ou roxo são tons muito democráticos, e combinam com quaisquer tons de pele. Se estiver com receio de fazer em todo o cabelo, você pode optar por mechas ou um ombré. Eu fiz um vídeo ensinando fazer ombré num tom vermelho violeta, é só clicar aqui.

Como conseguir?

05

Procure por tintas que tenham violeta na numeração, mas essa marcação pode variar de acordo com a marca da tinta. Um exemplo é a tinta Igora Royal, que tem o violeta como 9. Eu fiz um post usando a tinta Igora 9.98 aqui, e consegui um vermelho com reflexos violetas bem bonito.

Mas, adianto pra vocês, que não existem muitas opções de tinta com essa nuance no mercado, pois sempre estão associadas a outros tons e raramente você vai conseguir um tom violeta perfeito.

Recomendo que você tenha uma cor base legal e, a partir daí, usar tintas fantasias como a Directions, Lola Colors (vários tons disponíveis, como “a bela e o roxo”), banhos de brilho disponíveis nas farmácias, como C. Kamura (sweet grape e orquídea) e Keraton (berinjela) ou mesmo misturas com Violeta Genciana (falarei sobre ela a frente).

Tintas

Quer saber mais sobre cores base de cabelo? Leia meu Guia do Cabelo Ruivo Acobreado assim você vai poder entender mais sobre números de tintas de cabelo e tons.

  • Cabelos Loiros

O ideal é fazer uma pré-pigmentação antes, para evitar o desbotamento e fixar melhor o tom. Se você usar uma tinta fantasia logo de cara, seu cabelo vai ficar muito claro e bastante chamativo. Recomendo que você use uma tinta como a Igora 9.98 com mix 0.99 e  água oxigenada baixa (10vol) e dê banhos de brilho de acordo com o desbotamento.

Você ainda pode escurecer o tom do loiro com uma tinta loira escura (7.0 ou 6.0 + mix violeta) e tonalizar com os banhos de brilho.
Faça em um salão, ok? Loiro é o tom mais complicado de mudar.

  • Cabelos Castanhos

Tudo vai depender do tom do seu cabelo castanho. Quanto mais claro, mais violeta vai ficar. Recomendo um teste de mecha antes para ver se há necessidade de fechar o tom de acordo com o seu gosto.

Se o seu cabelo for virgem, dificilmente os banhos de brilho ou tintas sem oxidante vão fixar a cor nos fios. Então, pinte com uma tinta convencional violeta ou tinta neutra (7.0 ou 6.0) mais mix violeta e vá tonalizando com os banhos de brilho sem amônia. Na dúvida, consulte sempre um profissional.

  • Cabelos Ruivos

Acho que é o tom mais fácil de pegar, porém, o fundo ficará vermelho quando você estiver no sol, como o meu. Olha só

07

Na sombra:

08

No meu caso, apenas tonalizei com uma máscara tonalizante RED da Ervas Naturais e adicionei violeta genciana na mistura. Eu poderia também ter usado um dos banhos de brilho que indiquei.

Gostei bastante do resultado, apesar de ser difícil de fotografar o tom real. Essa foto depois da aplicação foi feita com celular:

09

Fiz um passo a passo rapidinho pra quem quiser fazer o tom em casa

E aí? Gostaram desse tom? Fariam?

Você pode aprender mais sobre tintas de cabelo ruivas no grupo Amor Acobreado, também seguir meu trabalho no YouTube e no meu blog Desocupada é a Mãe.

Até breve!