Guia da sobrancelha perfeita!

Não existe maquiagem que supere uma sobrancelha mal feita! Ela é o começo de tudo, o ponto principal na hora de criar um olhão bonito. Fato! O primeiro passo em busca da sobrancelha perfeita é procurar um designer, alguém que estudou pra isso e que vai saber desenhar a sobrancelha conforme os ângulos da sua face, o negócio é complexo, portanto não tente em casa (eu já fiz isso e me arrependi amargamente)!

Depois que o (a) designer tiver arrasado na sua sobrancelha é a hora da manutenção. A maioria prefere ir a cada 15 dias, mas eu acho esse processo complicado, uma vez que nesse período os pelinhos crescem e a sobrancelha não fica legal. Prefiro fazer a manutenção em casa. Mas como? Usando uma pinça top: a Tweezerman.

Não adianta, ela é a melhor! Isso porque ela retira com facilidade (e com pouca dor) os pelinhos pequenininhos(qualquer outra pinça não faz isso). A dica é olhar todo dia no espelho e tirar os que estão nascendo, assim você não erra a mão e tá sempre com a sobrancelha perfeitinha, como se estivesse acabado de sair do salão.

>> O modelo que eu uso é o da Betsey Johnson estampa Marilyn (mas tem de caveirinha e rosas, muito lindas). Ela custa R$76,90 na Sacks nesse link aqui. É caro? É, mas é muito mais caro pagar designer a cada 15 dias e ainda sofrer com os pelinhos que crescem nesse período.

Mesmo com a sobrancelha feita sempre fica aquelas falhinhas, né? Para corrigir isso minha dica é usar sombra opaca (sempre opaca tá gente!) para criar um fundo natural para as pestanas. Cada tom de sobrancelha exige um tom de sombra. Saca só:

1. Sobrancelha preta: esse é o meu caso, o tom indicado é o cinza opaco. Uso a Copperplate da MAC. Dá pra usar sombra preta? Dá, mas a sobrancelha fica mais marcada, menos “natural”, num geral prefiro a cinza mesmo, mas vez ou outra usa a preta e tiro o excesso no dorso da mão.
2. Sobrancelha castanha: é o caso das maioria das sobrancelhas. A indicação é uma sombra marrom média opaca, essa da imagem é a Wedge da MAC.
3. Sobrancelha loira: o indicado é uma sombra bege marrom, bem clarinha. Essa da imagem é a Kid da MAC. Também rola escurecer os fios com produtos próprio, um “rímel” específico, como o Brown Set da MAC.

Mas e o lápis para sobrancelha? Muita gente usa o lápis, mas eu acho que o resultado não fica tão natural quanto com sombra, mas é também uma opção válida, minha dica é esfumar bemmmm esse lápis pra não ficar marcado.

Agora deixa eu explicar como eu faço essa correção com sombra! Bora?

Para corrigir a sobrancelha com sombra eu sempre uso o pincel E65 da Sigma, um chafrado bem pequeno. Com ele pego a sombra Copperplate da MAC.


Começo aplicando a sombra no canto e na parte superior, sempre seguindo o desenho natural dela mas preenchendo as falhas.

É importante marcar bem o arqueado e fazer uma leve continuação no fim (a não ser que sua sobrancelha já seja bem comprida). A dica é pensar na linha imaginária que liga o fim do olho com a raíz do cabelo, a ponta da sobrancelha deve ficar nessa “linha”.

Repito o mesmo processo na parte inferior da sobrancelha, preenchendo também o centro dela.

Por fim tiro o excesso com o dedo pro resultado ficar bem natural, e aplico rímel incolor de baixo pra cima pra deixar a sobrancelha no lugar  (use o rímel incolor mais barato que você achar, e deixe ele apenas para esta função, ok?).

ANTES / DEPOIS

Faz uma baita diferença, hein? Reparem que eu preenchi todas as falhinhas com sombra, deixando o desenho natural da minha sobrancelha “cheio”.

E aí, deu pra dar uma ajudadinha? Espero que sim!

Em tempo: pras Campineiras interessadas, a minha designer de sobrancelha é a Fabíola Margiotto (não troco ela por nada), ela atende no L’elitt localizado no Cambuí. Mais informações acesse a home page oficial da bonita!

Beijos e aproveitem para comprar o batom Pausa para Feminices antes que acabe nesse link aqui! Hehe ;)